Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Tocando agora: Carregando...

domimgao.fw_
No comando: Domingão Sertanejo

Das 8:00 as 10:30

centenarionoticias
No comando: Centenário Noticias

Das 07:00 as 08:50

PARDAL E CELSO CARLOS
No comando: CELSO CARLOS e PARDAL – Saudade Jovem

Das 07:00 as 09:00

Serafimmmmmm
No comando: André Serafim – Manhã Sertaneja

Das 08:50 as 12:00

MARIO DE MARQUI
No comando: MARIO DE MARQUI – CONEXÃO 104

Das 09:00 as 10:30

CELSO E CLEIA
No comando: CELSO CARLOS e CLÉIA REGINA – Balancê

Das 10:30 as 12:20

20180111_153909
No comando: Geferson Sgarbi – Segura Peão

Das 10:30 as 13:00

lourdes
No comando: LOURDES FORTE – Gospel Mix

Das 12:00 as 13:00

top 20 Videos BujaHits
No comando: TOP 20 SERTANEJO

Das 12:30 as 13:30

LEANDRO DA MATA
No comando: LEANDRO DA MATA – TARDE DE DOMINGO

Das 13:00 as 16:00

WhatsApp Image 2019-12-02 at 09.54.10
No comando: Kassia Avibar – As mais mais da Centenário

Das 13:00 as 16:00

dilsinho2-250x300
No comando: DILSINHO CARMANHANI – VOO 104

Das 13:30 as 16:00

Serafimmmmmm
No comando: André Serafim – Tarde Sertaneja

Das 16:00 as 17:30

Cultura-VIOLA-CAIPIRA-2
No comando: JOCA E NARDÃO RELÍQUIAS SERTANEJAS

Das 16:00 as 19:00

0a60e08d-03ae-42d5-8b29-0f86920ab213
No comando: PAULINHO RIBEIRO – CIRCUITO DE RODEIO

Das 16:00 as 19:00

45674698_1810189199089621_1720068770652749824_o
No comando: Reginaldo Pedrassoli Só Clássicos Sertanejo

Das 17:30 as 19:00

Voz do Brasil
No comando: A VOZ DO BRASIL

Das 19:00 as 20:00

No comando: VINÍCIUS e AUGUSTO

Das 20:00 as 21:30

Top 30
No comando: TOP 30

Das 20:00 as 22:00

Psicóloga fala sobre os cuidados do isolamento social

Compartilhe:
05

O Covid-19 modificou o dia-a-dia das pessoas. Para evitar a transmissão do vírus, o comércio está fechado, as opções de lazer foram suspensas, e o movimento fique em casa se fortaleceu. Entretanto, ficar dentro de casa pode ocasionar um isolamento social e por isso, requer cuidados.

De acordo com a psicóloga Naiara Mariotto, quando a China teve um surto de Sars, em meados de 2002, pesquisadores fizeram um estudo apontando que, quando as pessoas têm um distanciamento superior a dez dias, elas passam a ter um nível de estresse muito grande.

“Nós, seres humanos, não conseguimos ficar mais de dez dias equilibrados, no período de distanciamento. Nosso cérebro ativa como se fosse uma guerra e isso dá uma liberação muito grande de cortisol, que é o hormônio do estresse. A pessoa começa a apresentar medo, nervosismo e ansiedade. Elas começam a ficar inquietas e irritadas dentro de casa, porque mudou a rotina que estávamos habituados. Ficamos perdidos, com necessidade de se adaptar à nova rotina”, explica.

Ainda de acordo com a psicóloga, o isolamento leva a pessoa ao medo, agindo na área das emoções, deixando de trabalhar mais na lógica ou razão.
A pessoa fica com um medo irracional, tendo pensamentos catastróficos, pensando que irão pegar a doença de uma maneira fatal. Elas passam a acreditar que irá faltar alimentos e álcool em geral, por exemplo, e passam a estocar esses produtos.

“Outras pessoas, vendo o comportamento desse pessoa, acreditam que esse é o ideal a se fazer e começa a repetir isso. É preciso tomar cuidado com esse medo irracional, pois são eles que nos levam a esses pensamentos catastróficos e determinados comportamentos que passam a fazer mal pra gente. Como o tédio, que apresenta um vazio em nós, e preenchemos de uma forma muito ruim, que é a compulsão”, ressalta.

Atualmente, segundo Naiara, duas compulsões vem sendo apresentadas neste cenário: da compra online – onde o número de contratações vem crescendo para dar conta da demanda – e compulsão por comida.

“A pessoa nesse nível de estresse libera tanto cortisol que passa a ter compulsão por doces e consumir em excesso esse açúcar. A pessoa vai inflar seu organismo e entrar para o grupo de risco, pois são alimentos que alteram sua pressão e seu índice de insulina”, destaca.

Naiara afirma ainda que é preciso manter a calma dentro do possível, fazer uma reconstrução interna e buscar uma nova rotina dentro de casa, para a própria segurança das pessoas.

 

Fonte: Cidade On

Deixe seu comentário: